• English
  • Português

rr1-1024x768

Top 10 das pessoas mais irritantes que você vai encontrar num restaurante (parte 2)

6. Os utilizadores de telemóveis

Porque é que as pessoas normalmente bem educadas se tornam broncas quando estão ao telemóvel ? Em qualquer bar a pessoa mais importante é o homem ou a mulher que está ao seu pé, não o seu companheiro em Lisboa que telefonou para dar duas de letra. Se você está à mesa com outras seis pessoas para jantar, converse com eles. Se o seu empregado de mesa chega para levar o seu prato, fale com ele. 131212160959-01-man-on-phone-horizontal-large-gallery
Se você estiver assistindo a um show, assista ao show. Se você precisa mesmo de fazer um telefonema, saia como os fumadores.
Há uns tempos atrás eu vi um homem passar oito minutos a falar ao telefone. Durante este tempo, ele ignorou a companheira e desconsiderou o empregado que tinha vindo para o atender. No momento em que ele terminou a chamada, todos dentro de um raio de duas mesas o odiavam.
Não seja esse homem.

7. Os “advogados” num restaurante

Depois de cinco copos de vinho , todos nós somos advogados, mas não muito bons. Então, se você já se sentiu tentado a gritar: ” Eu sei os meus direitos! ” Quando você está infeliz num restaurante, aqui estão eles . Você tem o direito de pagar por todas as bebidas que você tenha bebido, independentemente de ter gostado ou não. Agora se você tiver uma reclamação verdadeira, e fornecer prova do seu nome e morada, você pode se recusar a pagar pela comida.
Por favor, pense com muito cuidado sobre como fazer isso. ” O prato foi queimado ” é uma verdadeira queixa. ” Ele tinha anchovas e eu odeio anchovas ” não é uma verdadeira reclamação se as anchovas constarem na descrição do prato no menu e você não reparou.
Curiosamente, um monte de pessoas que pensam que conhecem os seus direitos também ameaçam a escrever maus comentários no TripAdvisor após lhes ser dito que os seus direitos não incluem comida e vinho grátis.

8. Comensal Esquecido

Esta não é tanto uma queixa, é apenas uma daquelas coisas que você pode fazer para tornar o mundo um lugar melhor. O seu empregado de mesa pode estar cuidando de uma dúzia de mesas com uma média de seis pessoas em cada. Ao longo de uma noite ele tem que lembrar centenas de pratos. Você tem que lembrar apenas o que você pediu. Por favor, lembre-se do seu pedido, o seu empregado de mesa irá agradecer por isso.

9. As pessoas que puxam de galões original

Mesmo que você conheça o proprietário, não necessita de o mencionar para o seu empregado de mesa. É a própria definição de uma atitude besta. Se você quiser um tratamento especial, porque você conhece o proprietário, a pessoa a quem você o deve pedir é ao próprio proprietário – e antes de ir para o restaurante. Mencionar isso ao pobre empregado de mesa é apenas um jogo de poder barato.
Além disso, o que é que eles podem fazer? Eles não sabem se você é o melhor companheiro do proprietário que come de borla ou algum aproveitador. Portanto, não o coloque nessa posição.

10. Os seres humanos malcriados

Gostaria de ser chamado por alguém que estala os seus dedos? Não. Gostaria de ser insultado por alguém que tenha escolhido uma garrafa de vinho que não gostava e por isso está a afirmar que ele sabe a rolha? Não. Gostaria de ser alguém de 23 anos de idade, que esteve de pé durante sete horas e agora está a ser ameaçado por um bêbado de 48 anos que ele poderá “tornar a vida muito difícil para você.”
Essas coisas não são mesmo acerca ser um bom cliente, elas são sobre ser um bom ser humano.
Por favor respeite o próximo.

PartilheShare on FacebookShare on Google+Share on LinkedInPin on PinterestEmail this to someonePrint this page

Deixar uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*